Loading...

Euro 2016: Em que apostar?

publicado em 20 de ago. de 2018

Três grandes favoritos






França, Alemanha e Espanha: de acordo com as casas de apostas, o trio tem mais de 60 % de chances de levantar o troféu. É apenas lógico se pensarmos que estas três nações venceram em 8 das 14 últimas competições, depois de 1960… No jogo das comparações, cada uma tem as suas forças, é muito complicado estabelecer uma hierarquia.






Les Bleus estão em casa!






Aqui temos, a verdadeira favorita ao Euro! A última vez que organizou o Euro, a França venceu. Era a época de Platini, bem antes de Zidane e a geração de 98, colocarem a nação em apoteose com o título mundial, ou do segundo Euro em 2000. Agora que se prepara para ser novamente anfitriã do primeiro campeonato da Europa com 24 nações, a França irá depender do caloroso apoio do seu público para ter sucesso.






Os adeptos entusiásticos irão cantar o hino nacional mais alto que nunca, unidos em torno de uma equipa bem montada. Depois de sair do campeonato do Mundo nos quartos de final, mas deixando uma boa imagem, a equipa da França ficou mais unida. Koscielny, Matuidi, Pogba, Griezmann, Benzema: a grande maioria dos seus jogadores, ganhou uma nova dimensão nos respectivos clubes na temporada 2015/2016. Unida em torno de um objetivo comum, a França está num grupo perfeitamente acessível (Roménia, Albânia e Suiça) e será certamente uma das protagonistas da competição.




A vitória da França vale ].






Alemanha imparável?






Caiu na final do Euro 2008 e depois nas meias contra a Itália em 2012, a Mannschaft de Joachim Low, campeã do mundo em título, não se prepara para outra coisa que não seja a vitória final. Finalistas por 6 vezes em apenas 11 participações, os Alemães são a equipa mais regular na competição.






A sua principal força, o seu coletivo incrivelmente bem trabalhado. A campeã do mundo conta com Neuer, melhor guarda redes do planeta, bastante bem protegido pela sua defesa, e com o pragmatismo de Thomas Muller na frente de ataque. Colocada no grupo C, com a Irlanda do Norte, Polónia e Ucrânia, a melhor seleção do mundo é, a par da França, outra grande favorita à vitória final.






Se deseja apostar na vitória da Alemanha no Euro, a Betworld oferece uma ].




A Espanha em busca do terceiro






Sem rival à altura nas edições de 2008 e 2012, a Espanha procura o terceiro Euro consecutivo, feito jamais conseguido na competição. Os Espanhois vão ter de fazer esquecer o fiasco no Mundial do Brasil em 2014, onde saíram na fase de grupos, varridos por Holanda e Chile. Ainda ao comando, Vicente del Bosque não desarma, aproveitando o sucesso do Barça para construir a equipa em torno do soldado Busquets e do genial Iniesta, contando com uma dupla imperial Pique-Ramos, e dando mais responsabilidade a Isco, Paco Alcacer, Koke ou mesmo a Thiago Alcantara. É com a frescura e o talento dos seus diamantes em bruto que a Espanha procura o hat trick na competição. Dominante na fase de qualificação, a Espanha, presente no grupo D com a Croácia, Turquia e Rep. Checa deverá estar pronta para a luta logo na primeira fase. Mas se conseguirem começar bem a competição e ganhar motivação, então podem tornar-se quase impossíveis de bater, contando com a experiẽncia dos seus jogadores em jogos a eliminar.






A Espanha campeã da Europa, com uma ].






Os outsiders






Se os três grandes favoritos à conquista do Euro têm tudo para deixar a sua marca na competição, há um quarteto que está a espreita de deslizes dos favoritos. Analisemos os principais outsiders para este Euro.






Portugal sempre lá






Convém não esquecer que a seleção Portuguesa esteve presente em três meias finais, das últimas quatro edições do Euro. Com a sua defesa impermeável, o talento no miolo (William Carvalho, Coentrão, Moutinho) e a dupla Nani-Ronaldo para enfrentar as defesas, Portugal não fica a dever nada às outras nações aqui analisadas e tem todas as características de um potencial campeão. Para a SportyTrader a odd para uma vitória de Portugal é elevada mas merece uma aposta .


Apostar à vitória Portuguesa no Euro, tem uma ] na Betworld.






Os Belgas como se estivessem em casa






E se este for Euro da Bélgica? Com Hazard, De Bruyne e Lukaku, mas sobretudo com uma equipa incrivelmente recheada de talento em todos os sectores do terreno, os Diabos Vermelhos, aparecem a ], para vencerem na terra dos vizinhos Franceses. Terão de prestar provas no Grupo E (Itália, Suécia e Irlanda), antes de pensar em vôos mais altos. Se a falta de experiência foi apontada quando saíram do mundial, nos quartos de final frente à Argentina, a geração dourada Belga está agora mais madura e pode confirmar aquilo que tem prometido. A seleção de Marc Wilmots é capaz do melhor e do pior, e é por isso que os favoritos terão de ter muito cuidado quando defrontarem a Bélgica.






A Itália quer voltar à ribalta






A Itália já venceu por quatro vezes o campeonato do Mundo, mas apenas tem um Euro (1968) no seu palmarés. Com uma defesa de betão, um enorme Verratti e Pirlo pronto para a sua última aventura com as cores da Squadra Azzurra, a Itália terá sempre uma palavra a dizer na competição. As únicas dúvidas prendem-se com a capacidade ofensiva da equipa, com Pellè, Eder ou mesmo El Shaarawy. Antes de pensar numa caminhada de glória, a Itália terá de se desembaraçar de um grupo E muito perigoso (Bélgica, Irlanda e Suécia), simplesmente o "grupo da morte".






A Inglaterra está a postos






Com 10 vitórias em outros tantos jogos na fase de qualificação, a Inglaterra enviou uma mensagem forte. Este ano, mais do que nunca, os Três Leões estão prontos. Nunca presentes numa final de um campeonato da Europa, os Ingleses tentam corrigir esta anomalia. E com o talento presente no seu plantel (Barkley, Sterling, Rooney, Kane, Vardy...), Roy Hodgson não terá desculpas. Posicionada num grupo B complicado (Rússia, País de Gales e Eslováquia), a Inglaterra terá de estar muito atenta.














A Croácia (odd de 30), apoia-se num grande número de talentos (Modric, Kovacic, Rakitic, Mandzukic, Perisic...), a Áustria, a Rússia ou mesmo a Suécia, são as outras nações capazes de criar sensação em França. Ainda assim, ainda é difícil acreditar na vitória final de qualquer uma destas seleções.

SosPronostics